Os 9

Reflexão, Pontos Fortes e Desafios com dicas para Coaching. 

Autor Khristian Paterhan C. ©

Talvez, antes de ler esta seção, você ja adquiriu e respondeu o Teste  Básico do Eneagrama e agora deseja saber mais sobre você. Que tal combinar uma sessão individual com o autor Khristian Paterhan? Esta possibilidade exclusiva esta disponível neste link: http://www.escolaeneagrama.com.br/servicos/?tipo=se

O resultado do Teste Básico lhe permite ter uma visão parcial do seu principal traço de personalidade, ou, no mínimo, de dois dos seus traços de personalidade mais fortes.

Lembre que as dicas a seguir são apenas um começo para depois aprofundar respondendo o Teste Completo de Eneagrama 360°©,  - TSE360°® cujo resultado facilitará uma análise integral do seu perfil de personalidade com o objetivo de despertar todo o seu potencial de realização.

FAÇA UM UPGRADE! Participando dos nossos treinamentos, cursos livres e certificações e/ou contratando alguns dos Planos de Life e Executive Coaching disponíveis na seção TSE360°®/Serviços deste site e cujas sessões podem ser realizadas desde qualquer lugar online via Skype . Veja neste link: http://www.escolaeneagrama.com.br/servicos/?tipo=tse

O Sistema Eneagrama 360°® lhe permitirá responder, entre outras, as seguintes questões:

"Quantos comportamentos, atitudes e valores ligados a este(s) Traço(s) quero conservar, aperfeiçoar, excluir, transformar ou desenvolver na minha vida pessoal e profissional?"

"Quais comportamentos, atitudes e valores positivos daqueles Traços que não são os mais fortes em mim gostaria desenvolver para ampliar minhas possibilidades de crescimento pessoal e profissional?" 

Vale a pena conhecer a si mismo/a com o Sistema Eneagrama 360°® porque, com certeza, é o que você precisa desenvolver para sua plena realização pessoal e profissional. 

Leia os resumos sobre os 9 "eus", abaixo e lembre-se também de ir além da tipologia e descobrir a grandeza do seu mundo interior com o Sistema Eneagrama 360°® porque você não é um "tipo"...você é o SER que habita temporariamente essa sua personalidade, personalidade esta que é como uma casa para o SER e assim sendo, podemos reformar e deixar cada vez mais bonita para alegria do seu "propietário" , o Espirito.

Traço 1: O "eu" que ordena

"...A moralidade interior, essa sim é a sua meta...Quanto à moralidade exterior, é diferente em toda parte..." G.I.Gurdjieff

 

1 - Metodico

Perfil  ordenado, sistemático, disciplinado,organizado.• Ordem, limpeza, rotinas, senso estético e pulcritude são sua “marca registrada”.• Dão importância ao território pessoal: “minha mesa de trabalho, minha ordem”.

Pontos que devem ser considerados no trabalho: A ideia de ordem e de hierarquia de ações e tarefas deve ser respeitada à risca. •Ficam irritados com erros, com invasão dos seus territórios e com mudanças repentinas de rotinas ou de atividades. •Tendência à autocrítica e autojulgamento. Em alguns casos, o “perfeccionismo” excessivo acaba impedindo a adaptação rápida a mudanças. •Como evitam erros, podem protelar ações.

Conselho: Devem ser encorajados, para serem flexíveis, evitando o olhar excessivamente crítico e polarizado entre “certo e errado”.

Traço 2 - O "eu" que ama

"Ha duas espécies de amor. Um é o amor escravo. O outro deve ser adquirido pelo trabalho sobre si. O primeiro não tem valor algum, só o segundo tem valor". G.I.Gurdjieff

 

2 - Amoroso


Perfil prestativo, atencioso e sempre disposto a colaborar. • Dão importância aos demais e precisam sentir que suas ações agradam e são bem recebidas pelos outros. • São sensíveis às necessidades alheias e gostam de se sentir úteis.

Pontos que devem ser considerados no trabalho: • Precisam sentir que são reconhecidos. É importante que o líder lembre e/ou elogie suas ações bem sucedidas. •Não toleram serem ignorados; importam-se com a comunicação e relacionamentos. • Manter contato e bom relacionamento com este perfil estimula-os a fazer mais e melhor.

Conselho: Devem evitar ser reféns do reconhecimento alheio e reconhecer em si mesmos o valor das suas ações.

Traço 3: O "eu" que compete

"...Não é estranho que fechem os olhos com tão tola complacência, ao que realmente são, e passem a vida na agradável convicção de que representam algo valioso? Esquecem de ver o vazio insuportável por trás da soberba fachada criada por seu autoengano e não se dão conta de que essa fachada só tem um valor puramente convencional." G.I.Gurdjieff

 

3 - Performático


Eficientes, focados no trabalho, competitivos, desejam sucesso. • Comunicativos, gostam de serem reconhecidos e admirados pelo que fazem. • Se identificam totalmente com os seus trabalhos e papeis e querem se destacar socialmente. • Evitam conflitos, são diplomáticos e trabalham bem em equipe.

Pontos que devem ser considerados no trabalho: • Reconhecimento em forma de ascensão profissional é fundamental para este traço eneagramático. • Devem sentir que fazem parte dos resultados da empresa. • São estimulados com desafios e oportunidades para demonstrar competências. 

Conselho: Devem evitar cair na síndrome do “workaholic” e excessivo estrelismo, cultivando uma autoestima que não dependa apenas dos seus resultados e triunfos profissionais.

Traço 4 - O "eu" que idealiza

Há duas classes de sofrimento: consciente e inconsciente. Somente um tolo sofre inconscientemente." G.I.Gurdjieff

 

4 - O sofredor Original


Sensíveis, românticos e idealistas, buscam constantemente serem compreendidos e notados pelo seu diferencial. • Possuem o perfil ideal para trabalhos humanitários e para a organização de tarefas em prol de alguma causa social.

Pontos que devem ser considerados no trabalho: • Evitar comentários e/ou ações que possam ser considerados como insensíveis ou que denotem desprezo pelos seus problemas e/ou necessidades, da equipe e/ou da empresa. • Reconhecer a sensibilidade deste traço é fundamental em empresas que realizam ações sociais . 

Conselho: Devem evitar o exagero nas suas manifestações emocionais cultivando um maior equilíbrio emocional.

Traço 5 - O "eu" que pensa

"Eis a razão pela qual, na presença daqueles seres que tão somente possuem a razão do saber, tudo quanto acabam de aprender, deposita-se e fica para sempre num estado de simples informação, da qual eles não tomam consciência alguma com o seu ser." G.I.Gurdjieff

 

5 - Avarento

 

Racionais, metódicos, sistemáticos e objetivos, precisam de certo isolamento para se sentir seguros. • Comportamento introvertido, valorizam a lógica e o conhecimento, acima de tudo. • Evitam o contato direto em situações que envolvem manifestações emocionais. Têm dificuldades para expressar os  sentimentos.

Pontos que  devem ser considerados no trabalho: Perfil analítico, precisa compreender racionalmente as ações e decisões de uma empresa. Quando subordinados, é importante esclarecer as razões das ordens recebidas, já que, podem questionar o porquê do que será feito. 

Conselho: Devem cultivar a comunicação e o inter-relacionamento, evitando o isolamento.

Traço 6 - O "eu" que imagina 

" As pessoas não suspeitam até que ponto estão em poder do medo...." G.I.Gurdjieff

 

6 - Medroso


Precavidos, cautelosos, cooperativos. • Precisam de ambientes que garantem segurança e apoio. • Gostam de trabalhar em equipe. • Evitam situações desconhecidas. Às vezes, estressam-se por razões imaginárias e podem manifestar medos infundados.

Pontos que devem ser considerados no trabalho: • Precisam ser liderados sem autoritarismos e sem ameaças. • Extremamente leais, outorgam segurança e confiança. • Muito cuidadosos e críticos, são capazes de ler “a letra pequena” e descobrir detalhes que passam despercebidos pelos outros.

Conselho: Devem evitar serem reféns do imaginário e cultivar a autosegurança.

Traço 7 - O "eu" que planeja

"Façam a si mesmos a pergunta: São livres? Muitos serão tentados a responder que sim..." G.I.Gurdjieff

 

7 - O Narcisista Gozador


Procuram realizar suas atividades prazerosamente. São criativos. • Gostam de trabalhar livres de pressão e rotinas. • Evitam situações que possam cercear sua liberdade de ação. • Aceitam imprevistos e desafios que provoquem sua capacidade de inventar e inovar.

Pontos que devem ser considerados no trabalho: • Permitir que este perfil desenvolva seu trabalho com liberdade, sem pressões desnecessárias. • Idealmente, deixe-o colaborar em situações que requerem inovação, novos cenários e desafios. • Trabalham bem em equipes cuja liderança é participativa e de troca.

Conselho: Devem evitar a falta de compromisso. Às vezes, é melhor prestar atenção, primeiro ao dever e depois ao prazer.

Traço 8: O "eu" que confronta

"Lembre-se de que você veio aqui, porque compreendeu a necessidade de lutar contra si mesmo e, unicamente, contra si mesmo. Agradeça, portanto, a quem lhe proporciona a ocasião para isso." G.I.Gurdjieff

 

8 - O Hostil


Empreendedores, desbravadores, perseverantes, ativos, gostam de realizar. • Possuem uma natural inclinação à liderança. • Evitam situações que impedem a manifestação do fazer, não gostam de burocracia, nem de demoras o que os torna impulsivos e/ou agressivos em algumas ocasiões.

Pontos que devem ser considerados no trabalho: • Na liderança, gostam de se sentirem protagonistas do progresso e desenvolvimento ativo dos planos e/ou ações nos quais participam. • Quando subordinados, precisam reconhecer uma liderança forte e válida a qual devem respeitar. • Aparentemente durões, são sensíveis e se importam com as necessidades alheias.

Conselho: Devem evitar a agressividade na comunicação e aprender a arte de ouvir ativamente.

Traço 9 - O "eu" que espera"

"Aquele que tiver se libertado da "doença do amanhã" terá uma chance de obter o que veio procurar aqui". G.I.Gurdjieff

 

9 - Pacifico

Pacientes, diplomáticos, perseverantes e calmos, bons de papo, amistosos. • Gostam de se relacionar e participar de grupos. • Evitam situações de conflitos, atritos e brigas. • Preferem abrir mão das suas necessidades em favor dos outros.

Pontos que devem ser considerados no trabalho: • Como líderes, são democráticos e sabem interagir com seus colaboradores. Quando subordinados, é muito importante que o líder seja muito claro em relação a prazos de realização dos trabalhos. • São muito trabalhadores e reconhecidos como “paus para toda obra”, porém não devem ser sobrecarregados.

Conselho: Devem evitar o esquecimento das suas necessidades pessoais e profissionais.

Facebook

Twitter